O talento é essencial para diferenciar-nos. A Iniciativa Estratégica de Gestão
do Talento progride em sua implantação global: em 2016 se avançou de acordo com o planejado nas três fases do projeto. Mais de 4.000 pessoas avaliadas, 10.000 provas realizadas, com mais de 3.000 entrevistas em vídeo.
Tudo com a mesma metodologia e critérios em todo o mundo.

TEXTO Pablo Fuentes

Na MAPFRE, o talento é essencial para diferenciar-nos e continuarmos crescendo. É essencial para abordar novos mercados e enfrentar novos desafios estratégicos do futuro, assim como garantir o plano de promoção de executivos. Por esta razão, a empresa está avançando na implantação global da Iniciativa Estratégica de Gestão do Talento, cujo patrocinador é Elena Sanz, diretora geral de Recursos Humanos da MAPFRE.

Nesse contexto, e como lhe contamos em uma reportagem anterior de O mundo da MAPFRE, a missão de Gestão do Talento é clara: identificar o talento estratégico na empresa e desenvolver as pessoas para impulsionar a nossa estratégia em qualquer lugar e em qualquer momento.

Para conseguir isso, o projeto é desenvolvido e implantado em três fases. Na primeira delas o objetivo é analisar as necessidades estratégicas do negócio em curto e médio prazo com cada uma das áreas corporativas e países, para identificar os perfis estratégicos necessários. Na segunda etapa, a finalidade é identificar, entre todos os funcionários, as pessoas mais adequadas para cobrir estes perfis, focando em critérios como desempenho, participação em planos de desenvolvimento e em projetos estratégicos, capacidade de inovação e conhecimento especializado, bem como em habilidades e motivação.

A seguir, as equipes de Recursos Humanos projetam e implantam planos de desenvolvimento individuais para estas pessoas. Esta é a terceira fase do projeto.

 

 

Fases da iniciativa estratégica de gestão do talento

 

1

Analisar as necessidades estratégicas do negócio e definir os perfis necessários para abordá-las

Fase I 100% completa

 

2

Identificar entre todos os funcionários as pessoas adequadas para cobrir tais perfis

Fase II 85% completa

 

3

Recursos Humanos projeta e implanta planos de desenvolvimento personalizados

Fase III 30% completa

Durante 2016 e começo de 2017, Gestão do Talento conseguiu importantes avanços em sua implementação global: a primeira fase foi completada em todas as regiões, enquanto que a segunda fase se encontra já 85% desenvolvida. Além disso, já se trabalha na terceira fase, com um grau de avanço de 30%, e em determinadas unidades se começou a comunicar os resultados aos participantes.

Este importante avanço se sustentou em dois pilares fundamentais. Em primeiro lugar, o intenso trabalho realizado pelos diferentes grupos de trabalho de Recursos Humanos nas regiões e países; segundo, a utilização de uma mesma metodologia em todo o mundo, que se apoia em ferramentas de informação e colaboração transversais, e garante a objetividade em todas as regiões e países.

 

É importante destacar que este ambicioso plano de gestão do talento abrange os 38.000 funcionários da empresa e que na MAPFRE o talento está em todos. Neste contexto. Gestão do Talento se consolida como um processo contínuo na MAPFRE, com o objetivo de facilitar o fluxo de talento na empresa de forma constante

Elena Sanz destaca que “em um ambiente complexo, a MAPFRE aborda novos desafios cheios de oportunidades, e o talento das pessoas da empresa é fundamental para enfrentar estes desafios”. Por esta razão, adiciona, “é muito importante que a iniciativa de Gestão do Talento avance com rapidez e agilidade e, nesse sentido, podemos estar satisfeitos. Não obstante, ainda há muito trabalho a ser feito para desenvolver nosso talento estratégico e colocá-lo a serviço do negócio”.

Gestão do Talento se renova periodicamente para facilitar o fluxo de talento na MAPFRE

Além disso, cabe destacar o envolvimento dos administradores de pessoas e o entusiasmo dos funcionários que participaram das provas.

O balanço deste trabalho é significativo. Mais de 4.000 pessoas foram avaliadas, através de um processo global e idêntico em todos os países, que consta de três provas:

  • Um teste de pontos fortes no trabalho.
  • Um teste de aptidões.
  • Uma entrevista via vídeo.

Em total, foram realizadas mais de 10.000 provas, incluindo 3.000 entrevistas via vídeo. Nesta reportagem, quisemos conhecer a experiência de algumas das pessoas que participaram do processo e realizaram as provas. Laura Fernández, da MAPFRE GLOBAL RISKS, Silvia Magaña, da MAPFRE RE, e José Manuel Carranza, da MAPFRE ESPAÑA, contam-nos como viveram a sua participação na fase de avaliação de gestão do talento.

LAURA FERNANDEZ

“Participar das provas me trouxe uma grande motivação, e eu as realizei com entusiasmo e alegria”.

“Participar da Iniciativa de Talento Estratégico representou uma grande motivação, satisfação e reforço do compromisso com a MAPFRE.

Realizei as provas com grande entusiasmo e alegria diante de uma perspectiva de futuro plenamente enriquecedora, tanto de um ponto de vista profissional como pessoal.

Definitivamente, um dos maiores valores da empresa são as pessoas que, com seu talento, constroem a MAPFRE”.

MAPFRE GLOBAL RISKS

JOSÉ MANUEL CARRANZA

“A experiência foi muito positiva, espero que este tipo de prova passe a formar parte da nossa cultura”

“Realizei as provas com entusiasmo e alguma incerteza. Na prova de pontos fortes no trabalho, tentei que as minhas respostas refletissem com sinceridade a minha personalidade. A de pontos fortes swift foi um grande desafio; gostaria de ter tido um pouco mais de tempo, mas compreendo que isso também é algo que se avalia.

A entrevista via vídeo foi algo inovador para mim. Avalio de forma positiva que Recursos Humanos aposte pelas ferramentas que o mundo digital oferece para conhecer os seus funcionários de uma forma mais próxima, dando a eles a oportunidade de se expressarem. Em conjunto, a experiência foi muito boa. Espero que em um futuro este tipo de prova passe a formar parte da nossa cultura e que muitos funcionários possam ter a mesma vivência”.

MAPFRE España

SILVIA MAGAÑA

“Eu me senti orgulhosa por poder contribuir para o futuro da empresa; as provas não foram fáceis, mas me serviram para melhorar”

“Eu me senti orgulhosa de ser selecionada em uma iniciativa tão relevante como Gestão do Trabalho, por ter a oportunidade de participar do emocionante desenvolvimento futuro da nossa empresa, por poder contribuir com o meu grãozinho de areia.

As provas realizadas não foram fáceis, mas serviram para me conscientizar que tenho que superar meus pontos fracos e, ao mesmo tempo, aproveitar e consolidar aquelas coisas nas quais me destaco para continuar meu caminho com a MAPFRE, até onde este projeto me leve”.

MAPFRE RE

Share This